Maps

Notícias

Tipos de drogas e consequências

09/04/2018 Chromatox
As drogas são classificadas como drogas depressoras, drogas estimulantes e drogas perturbadoras, de acordo com seus efeitos no sistema nervoso, mas todas elas podem levar à morte. Conheça seus efeitos no organismo humano.

  • Efeitos das drogas depressoras
  • As drogas depressoras, como heroína, causam efeitos no organismo como menor capacidade de raciocínio e de concentração, sensação exagerada de calma e tranquilidade, relaxamento exagerado, bem-estar, aumento da sonolência, reflexos mais lentos, diminuição da sensação de dor e dificuldade em fazer movimentos delicados.

    Por isso, a capacidade para conduzir um veículo fica comprometida, além de comprometer a diminuição da rentabilidade no trabalho.

    Encontre um posto de coleta Chromatox para realizar seu exame toxicológico

  • Efeitos das drogas estimulantes

    As drogas estimulantes, como cocaína, provocam efeitos como sensação intensa de euforia e poder, estado de excitação, muita atividade e energia, diminuição do sono e do apetite, falar rápido e pressão e frequência cardíaca alta. Estas drogas levam a que o indivíduo fique descontrolado e perca a noção da realidade.

  • Efeitos das drogas perturbadoras

    As drogas perturbadoras, também conhecidas por alucinógenas ou psicodislépticas, como maconha, LSD 25, e ecstasy provocam alucinações, principalmente visuais, como alteração das cores, formas e contornos dos objetos, sensação alterada do tempo e do espaço, sendo que minutos parecem horas ou metros parecem quilômetros, sensação de enorme prazer ou de medo intenso, facilidade em entrar em pânico e exaltação, noção exagerada de grandiosidade e delírios relacionados com roubos e perseguições.

    Estes efeitos podem ser percebidos em poucos minutos, mas tendem a durar pouco tempo e, por isso, é comum o uso abusivo das drogas em quantidades cada vez maiores para prolongar o efeito.

    Confira o passo a passo para emissão ou renovação da Carteira Nacional de Habilitação

    Consequências do uso das drogas a longo prazo

    O uso de todo o tipo de drogas, além de provocar efeitos imediatos também pode provocar alterações para o resto da vida, como:

    • Lesões provocadas pelo consumo de drogas
    • Destruição de neurônios, que diminuem a capacidade de pensar;
    • Desenvolvimento de doenças psiquiátricas, como psicose, depressão ou esquizofrenia;
    • Lesões no fígado, como câncer hepático;
    • Mau funcionamento dos rins e dos nervos;
    • Desenvolvimento de doenças contagiosas, como Aids ou Hepatite;
    • Problemas do coração, como infarto.
    O consumo de drogas também pode levar à morte precoce e, por isso, é importante que cada dependente seja devidamente tratado nas clínicas de recuperação para drogados. Além disso, a família também é afetada, provocando desiquilíbrio devido aos comportamentos descontrolados e ao isolamento da família e da sociedade. Fonte: Tua Saúde