Notícias

Clínicas utilizam exames toxicológicos

09/04/2018 Chromatox
De acordo com levantamento Nacional de Famílias dos Dependentes Químicos, realizado em 2013 pela Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), ao menos 28 milhões de pessoas no Brasil têm algum familiar que é dependente químico. Além disso, um relatório do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime, de 2013, aponta um aumento de quase 50% no número de novas substâncias psicoativas. Elas saltaram de 166, em 2009, para 251, em 2012.

Diante disso, há uma proliferação das clínicas de tratamento de dependência química em todo o Brasil e muitas utilizam testes toxicológicos em cabelos para confirmar o perfil do uso ou abstinência de drogas por um longo período, o que é útil para verificar a adesão ao tratamento da dependência química, durante o período necessário.

Saiba como fazer exame toxicológico para CNH

Com os testes é possível saber quais drogas têm sido usadas e quando, se houve mudança de perfil no uso das drogas nas últimas semanas e quando foi a última vez que elas foram usadas antes da coleta de amostra. Assim, se um paciente sofreu uma recaída ou não informou corretamente o uso, o teste do cabelo comprova prontamente e permite a reavaliação do tratamento antes de uma recaída mais séria.

"Durante o tratamento, nossa metodologia é rápida, confiável e temos vasta experiência em lidar com clínicas e centros de reabilitação", diz Cristina Pisaneschi, diretora da Chromatox (www.chromatox.com.br), primeiro e único laboratório a ter métodos para testes de drogas em cabelo acreditado pelo Inmetro na ISO/IEC 17025 no Brasil.

Os grupos de drogas analisadas incluem: anfetaminas, benzodiazepínicos, canabinóides (maconha), cocaína (crack), metanfetaminas (ecstasy), opiáceos e opióides, hipnóticos e sedativos, entre outros.

Encontre um posto de coleta Chromatox para realizar seu exame toxicológico

Perfil - A ChromaTox, criada em 2011, é fruto da união de duas empresas: a brasileira ChromAnalysis e a Cansford Laboratories, do Reino Unido. Com sede em São Paulo, é o primeiro e único laboratório a ter métodos para testes de drogas em cabelo acreditado pelo Inmetro na ISO/IEC 17025 no Brasil.

Diferentemente dos demais, as análises são realizadas em São Paulo e produzem resultados rápidos (emitidos em até cinco dias) e de qualidade comprovada. Os testes de drogas são utilizados em diversos segmentos do mercado, como empresas, concursos públicos, advogados, promotores, juízes, indivíduos, seguradoras, transportadoras, órgãos governamentais e militares e clínicas de tratamento de dependentes químicos.

Leia matéria completa no Portal Fator Brasil

Informações para a imprensa:

Oficina da Comunicação Integrada - Assessoria de comunicação da ChromaTox

(11) 2275-0833

Ana Claudia Proença / Fran Oliveira